“Fui expulsa de casa aos 16 anos”, revela Lidi Lisboa - OPINATORIO

Breaking

OPINATORIO

notícias, celebridades, famosos, política


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 30 de abril de 2021

“Fui expulsa de casa aos 16 anos”, revela Lidi Lisboa

Lidi Lisboa/Foto Reprodução Web


"A atriz Lidi lisboa revelou em entrevista que saiu de casa aos 16 anos de idade ao ser questionada pois existe uma história que ela fugiu de casa e que os motivos não estariam claros, e ainda falou das dores de não conhecer o pai."


Durante uma entrevista Lidi Lisboa falou  emocionada ao produtor Lucas Selfie. A atriz revelou que saiu de casa aos 16 anos de idade. Tal revelação foi feita durante o podcast Lavando a Roupa, Lidi revelou que hoje está bem resolvida pois sabe quem ela é, mas que tem certos limites quanta a muita gente que já fez parte da sua vida pois ela foi muito recriminada quando jovem, e que criaram várias mentiras a respeito dessa saída dela de casa.


Lide foi ao chora ao falar sobre tudo isso, e mostrou muita mágoa de ex amigos e parentes, ao ser questionada os reais motivos dela ter saído de casa Lidi disse;


“Eu saí de casa aos 16 anos de idade. Fui convidada a me retirar. Mas deu tudo certo. Eu estou aqui, viva. Estudei teatro e comecei a trabalhar num bar para ter dinheiro. Ficava na casa de um, depois na casa de outro e assim eu vivia. Nunca soube do meu pai. Umas das brigas com a minha mãe foi por causa disso. Queria ao menos saber sobre ele, ver uma foto. Queria saber como era o meu pai. Como era o rosto dele? Sempre pedia à minha mãe, mas ela não me contava a verdade. Esse foi um dos motivos de eu sair de casa”, revelou Lidi.


Questionada por Lucas Lidi confirmou que foi convidada a sair de casa, veja o absurdo, convidada a sair de casa com a roupa do corpo com apenas 16 anos de idade, e por sua mãe.


Lidi Lisboa ainda revelou que em meados do ano de 2014 recebeu algumas mensagens de um homem, que lhe dizia ser o seu pai, mas o contato não durou muito tempo por falta de assunto e proximidade entre eles.


 “Encontrei ele nas redes sociais e comecei a trocar mensagens. Meu pai é mecânico e mora na África. Mas me deu uma preguiça de manter esse assunto, sabe? Fui cobrada por não conversar com ele, mas disse que não tinha assunto. Em 2014, propus para nós fazermos o teste e ouvi o seguinte: ‘Se você quiser fazer o teste de DNA, você que pague’. Eu achei isso um absurdo, não pelo dinheiro mas sim pela coerência de toda a história”

Att; Antônio Ferrero

Redes sociais; @opinatoriotv

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here