Denunciado pelo MP por intolerância religiosa, Latino pede desculpas: ‘Jamais tive a intenção - OPINATORIO

Breaking

OPINATORIO

notícias, celebridades, famosos, política


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 16 de abril de 2021

Denunciado pelo MP por intolerância religiosa, Latino pede desculpas: ‘Jamais tive a intenção

Cantor Latino/Foto Reprodução Web

Denunciado pelo MP por intolerância religiosa, Latino pede desculpas: ‘Jamais tive a intenção’

Latino está envolvido numa verdadeira polêmica. Após ter uma fala preconceituosa em entrevista ao “Flow Podcast” ao ser questionado na atração sobre a morte de seu macaco Twelves, que faleceu após ser atropelado, se referindo ao episódio que ocorreu por um trabalho de macumba

O deputado estadual pelo Rio de Janeiro, Átila Nunes (MDB), abriu a denúncia contra Latino. Para a coluna de Fábia Oliveira, do jornal O Dia, o político falou sobre o caso. “Denunciei o cantor Latino ao Ministério Público por escarnecer publicamente de culto religioso, crime previsto no artigo 208 do Código Penal, agravado por ter sido em veículo de comunicação. 


Durante a entrevista Latino fez a seguinte declaração: “Dizem que foi macumba, né. Os caras falaram que foi macumba. Fizeram um trabalho pra mim que o macaco foi no meu lugar. Quem conhece o mundo espiritual pode dizer melhor. O macaco nunca saía de casa, tomava café comigo. Ele tinha uma vida como se fosse filho”, continuou. Além disso, afirmou que sofreu muito com a sua partida e cancelou shows de duas semanas. “Pode ser qualquer bicho que tenha um apego muito grande a você. Nessa parada de centro espírita, nesse bagulho aí de macumba, os caras fazem trabalhos pesados pra infernizar a vida do outro.

Revoltados com a declaração de Latino, muitos internautas se revoltaram com ele na web: “Que absurdo”, disse um seguidor; “Preconceito puro”, deixou outro; “Intolerância religiosa pura”, reagiu um terceiro usuário.

Após ver na confusão que se meteu, o músico também falou com Fábia e pediu desculpas para as pessoas que se sentiram ofendidas com sua postura: “Sei que alguns adeptos do Candomblé e Umbanda ficaram ofendidos com minha declaração, feita sem nenhuma intenção de desrespeitar a religião de outra pessoa. Não estou aqui querendo justificar a minha declaração e sim pedir desculpas para quem se sentiu ofendido com ela, pois no ato em que falei, jamais tive a intenção de atingir a crença de qualquer pessoa, até porque a minha crença tem como base o respeito a todas as outras. Estamos vivendo tempos de intolerância, tempos desafiadores, tempos de interpretações equivocadas. Utilizei a palavra ‘macumba’ com a forma superficial em que a palavra sempre foi utilizada, de maneira errada, mas que cresci ouvindo essa ‘crença limitante’

Att; Antônio Ferrero.
Redes sociais; @opinatoriotv

Siga o canal OPINATÓRIO no YOUTUBE e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here