Gusttavo Lima É Proibido Pela Justiça De Cantar Música após acusação de Fraude - OPINATORIO

Breaking

OPINATORIO

notícias, celebridades, famosos, política


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 12 de março de 2021

Gusttavo Lima É Proibido Pela Justiça De Cantar Música após acusação de Fraude

Gusttavo Lima/ Foto Reprodução Web

Gusttavo Lima se envolveu em mais uma polêmica com um dos compositores de um dos seus maiores sucessos, de acordo com informações do Balanço Geral, uma decisão da Justiça proibiu Gusttavo Lima de cantar a música “Que Mal Te Fiz Eu” após supostamente fraudar letra de música do compositor português Ricardo Landum, que o processa e pede uma indenização no valor de R$ 15 milhões.

Na época Gusttavo Lima teria pedido para regravar o sucesso do compositor e ganhado autorização, mas com a única exigência de não mexer na letra da música, o que não aconteceu, ou seja, Gusttavo Lima tirou uma parte da letra sem autorização de Ricardo e foi processado por esse motivo:

“Entramos com ação para que Gusttavo Lima sessasse a utilização da música por ele ter infringido uma autorização que tinha sido dada, porque o Ricardo realmente autorizou a utilização da música, desde que ela não fosse alterada. Ao contrário do combinado, o Gusttavo alterou a música e tirou uma estrofe importante da música e utilizou ela por um bom tempo”


(Antigamente) conseguimos uma tutela de urgência que proibiu o Gusttavo de utilizar a música e mesmo assim ele continuou usando, o que gerou uma multa de R$ 3 milhões, tanto ele quanto a Som Livre foram condenados a pagar danos morais e materiais para o Ricardo. A condenação hoje está em torno de R$ 12 a R$ 15 milhões”, disparou

Att; Antônio Ferrero

@opinatoriotv

Fonte; Movimento country

Siga o canal OPINATÓRIO no YOUTUBE e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here