Movimento lança manifesto 'Mulheres Derrubam Bolsonaro' pedindo impeachment - OPINATORIO

Breaking

OPINATORIO

noticias, celebridades, famosos, política


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad


https://www.opinatorio.net/p/publicidade-barata-para-negocios.html

Post Top Ad

Responsive Ads Here

domingo, 14 de junho de 2020

Movimento lança manifesto 'Mulheres Derrubam Bolsonaro' pedindo impeachment

Movimento lança manifesto 'Mulheres Derrubam Bolsonaro' pedindo impeachment

(Foto: Reprodução)
Seguindo o mesmo movimento #EleNão, que surgiu durante a eleição presidencial de 2018, o grupo pede o impeachment de Bolsonaro.
Hoje foi marcado por manifestos de torcidas, mas teve também a manifestação de um  Grupo de Mulheres de diversos segmentos da sociedade lançaram neste domingo o manifesto "Mulheres Derrubam Bolsonaro".
"Já fomos às ruas dizer que 'Quem Ama não Mata', lutamos pelas “Diretas Já”, pelo 'Fora Cunha', 'Fora Temer', dissemos 'Nenhuma a menos'. Bebemos da experiência das Marchas das Margaridas, da Marcha de Mulheres Negras, e, nas últimas eleições, gritamos que 'Ele não'! Agora, voltamos para avisar: 'Ele Cai!'", diz um trecho do manifesto. 
Já nas redes sociais, foi lançada a hashtag #MulheresDurrubamBolsonaro, que está entre os assuntos mais comentados do Twitter.
O grupo  fez questão de reforçar ainda que o movimento contra Bolsonaro foi responsável por impedir sua eleição no primeiro turno.
Já nas redes sociais, o grupo criou a página "Mulheres Unidas contra Bolsonaro" e somou mais de 2,7 milhões de pessoas. Mas a página foi invadida por hackers, que mudaram o seu conteúdo para "Mulheres com Bolsonaro #17", com a inclusão de conteúdo ofensivo aos adversários do então candidato a presidente do PSL. O caso está sendo julgado pelo  Tribunal Superior Eleitoral, em um processo que pode cassar a chapa de Jair Bolsonaro.
"Nós, da Resistência Feminista, junto com mais de 100 companheiras de dezenas de espaços políticos e estados diferentes, assinamos esse manifesto feminista", diz o grupo.
Att: Antônio S.

Recado da Central Editorial - Não se esqueçaquando você receber uma 
notíciaseja no zap, seja em qualquer outra rede e, você ficar na dúvida
 está sendo falado...se mesmo após a pesquisa não achar sobre aquele 
assuntoentão, já sabe né? Estamos vivendo tempos difíceis, então se
 certifique da notícia antes de compartilhar ou se posicionarlembre-se,
 é melhor perder 10 minutinhos pesquisando do que horasdiasmeses
 e até anos com as consequênciasAbraços Att: Equipe Opinatório

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here