Allan dos Santos e Alvos de inquéritos no STF, deletam 2,1 mil vídeos do Youtube - OPINATORIO

Breaking

OPINATORIO

noticias, celebridades, famosos, política

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

segunda-feira, 22 de junho de 2020

Allan dos Santos e Alvos de inquéritos no STF, deletam 2,1 mil vídeos do Youtube

Allan dos Santos e Alexandre de Moraes
Allan dos Santos e Alexandre de Moraes (Foto: Agência Senado | STF)

Até parece uma piada de muito mal gosto, mas um dos personagens mais conhecidos entre os bolsonaristas, o blogueiro Allan dos Santos, do canal Terça Livre, teve 272 vídeos apagados neste mês, até o último sábado para tentar ocultar provas e se livrar do inquérito das fake news. Allan dos Santos é investigado nos inquéritos das fake news e dos atos antidemocráticos no STF, e foi alvo de buscas e apreensões duas vezes.

De acordo com informações divulgadas no dia de hoje, canais que apoiam Jair Bolsonaro no Youtube deletaram neste mês de junho 2.100 vídeos da plataforma, segundo levantamento realizado pela empresa de análise de dados Novelo Data, numa tentativa clara de tentar ocultar provas de crimes contra o STF, à democracia e a politicos considerados desafetos. 
Segundo o jornal O Globo, dos 81 produtores de conteúdos observados pela equipe da Novelo Data, pelo menos 37 tiveram vídeos apagados este mês. 
O recordista em exclusões foi o canal Gigante Patriota, com menos 1.300 vídeos disponíveis para os usuários da rede — 94% deles foram removidos no último fim de semana.
Att: Antônio S.

Recado da Central Editorial - Não se esqueçaquando você receber uma 
notíciaseja no zap, seja em qualquer outra rede e, você ficar na dúvida
 está sendo falado...se mesmo após a pesquisa não achar sobre aquele 
assuntoentão, já sabe né? Estamos vivendo tempos difíceis, então se
 certifique da notícia antes de compartilhar ou se posicionarlembre-se,
 é melhor perder 10 minutinhos pesquisando do que horasdiasmeses

 e até anos com as consequênciasAbraços Att: Equipe Opinatório

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here